O que um programador Full Stack deve saber?

O que um programador Full Stack deve saber? O conjunto todo é chamado de “stack”, pois se trata de uma “pilha” de tecnologias (pense nas tecnologias do servidor embaixo, e as do cliente em cima).

Então “full-stack” é aquele desenvolvedor que lida com todas as camadas da pilha, e não só com uma parte delas.

 

 

A área de desenvolvimento web (web development) nunca esteve tão em alta. A consolidação da Internet no dia a dia das pessoas, o surgimento e popularização da tecnologia mobile e a constante demanda pela criação de sites — cada vez mais sofisticados — são os principais fatores para o seu crescimento.

Entretanto, como de praxe na Tecnologia da Informação, não há como optar pela carreira de desenvolvimento web sem compreender as suas subáreas, ou seja, as ramificações que separam o perfil e as atribuições de um web developer.

Nesse caso, em especial, os termos utilizados para representar as subáreas do desenvolvimento web são três: Full Stack, Front-End e Back-End — sendo essas duas últimas mais difundidas, enquanto a primeira se configura como a maior tendência do mercado.

Front-End e Back-End ou Full Stack

Conforme dito no início do post, a área de desenvolvimento web está longe de ser algo simples, a ponto de uma equipe ser formada apenas por um tipo de especialista. Uma maneira de compreendermos isso melhor é pensar no que um site precisa para funcionar.

Front-End

Comecemos a nossa explicação fazendo a seguinte analogia: para que um evento (um grande show, por exemplo) seja um verdadeiro sucesso, é preciso muito mais que a figura do superstar se apresentando — é fundamental que haja um suporte ao artista.

Desenvolvedor front-end: é o responsável que projeta as interfaces de um website. São eles que trabalham com o HTML e o CSS para construir as páginas web.

Aonde queremos chegar com isso? Obviamente, assim como uma apresentação musical, o site precisa ser atrativo em todos os sentidos para que caia no gosto do público.

Back-End

Agora, vamos retomar a analogia que iniciou a apresentação do Front-End para explicar a função o time que cuida dos aspectos estruturais — também conhecida como “server side” — do processo: o Back-End.

Desenvolvedor back-end: é o responsável por dinamizar o site através das linguagens de programação (Java,C#,DELPHI,PHP).

Full Stack

O mercado de TI é reconhecido por oferecer ótimas oportunidades de emprego em todas as áreas, especialmente a de desenvolvimento web, resultando no aumento da competitividade e, consequentemente, da atenção das empresas para aspectos multidisciplinares. Nesse contexto, o Desenvolvedor Full Stack passou a ganhar destaque.

Por que “Full Stack”?

Quando falamos em “stack” nos referimos a um conjunto de tecnologias usadas como componentes para desenvolver, implementar e executar uma aplicação, ou seja, frameworks, linguagens de programação, produtos de software e ferramentas, infraestrutura etc.

Quais são as principais recompensas da área?

Acho que a maior recompensa (além daquela sensação de ver sua criação funcionando) é o conhecimento. Nesta área, é imprescindível e até improvável que um profissional se de bem se não for flexível e consiga estudar muito.

E de quebra você ganha esse conhecimento todo e toda essa experiência, conheço alguns profissionais que demoraram mais tempo para chegar ao mesmo nível de conhecimento de um profissional generalista justamente pelo fato de que a área específica é muito menos mutável do que uma área mais geral.

Por que alguém deveria se tornar um(a) Full-Stack developer?

Porque é sensacional! É uma área muito rápida e as coisas estão sempre em movimento, então você nunca vai falar que não tem nada de novo para fazer. Além disso, é a ponte para que, se um dia você quiser se especializar, você possa seguir para o caminho que quiser sem restrições.

O que devo aprender para ser um desenvolvedor full-stack?

O primeiro ponto que deve ficar claro para você é que não é necessário ser especialista em todas as áreas e todos os assuntos.

  • Controle de versão
  • Aprender programação front-end, HTML, CSS e JavaScript
  • Noções de Usabilidade
  • Aprenda desenvolvimento back-end
  • Banco de dados
  • Mobile
  • Infraestrutura, cloud e devops
  • Conhecimento do negócio

Como aprendo tudo isso?

O primeiro passo é não fique correndo por sites e blog sem rumo querendo aprender.
O meu conselho é apostar em cursos que te mostram passo a passo o caminho para chegar a ser um desenvolvedor Full Stack.

E-book desenvolvedor FULL STACK

E-book Dev. FULL STACK

E-book Dev. FULL STACK

Qual o salário de um Full Stack?

Realizei uma pesquisa e a imagem abaixo é do banco nacional de empregos onde é mostrado a média de salário e é levado em consideração o porte da empresa e o nível que o profissional se encontra.

Média  salarial  Full Stack  por nível e porte de empresa

Média salarial Full Stack por nível e porte de empresa

Curso que recomendo para você

Selecionamos uma série de cursos on-line para você se preparar e abrir as portas para as vagas de programação. Conheça cada um dos cursos nos links oficiais abaixo.

Desenvolvedor(a) Full-Stack
Desenv. Full-Stack
Domine as principais tecnologias do mercado e se torne Desenvolvedor Full-Stack, com salários na faixa dos R$5.000,00.
1.600 alunosHoras do curso 75h Horas do curso certificado
Adquira hoje o curso e tenha acesso ao mesmo para sempre. Você pode se inscrever hoje e estudar no seu ritmo, pois o curso nunca vai expirar.
Curso Desenvolvimento de Games Completo
Games com JAVA
São 7 jogos desenvolvidos no curso e com uma própria game engine, desenvolvida também no curso completo.
648 alunosHoras do curso 40h Horas do curso certificado
O maior curso de desenvolvimento de games chegou no mercado! O único curso que vai ensinar do zero, como criar qualquer jogo, para qualquer plataforma!
São 7 jogos desenvolvidos no curso e com uma própria game engine, desenvolvida também no curso.

 

Domine as Tecnologias mais Atuais e Poderosas!

Com o Pacote Full-Stack, você vai dominar as maiores e principais tecnologias do mercado e se tornar um(a) Desenvolvedor(a) Full-Stack, com salários que ultrapassam facilmente a faixa dos R$5.000,00. Ou ainda, poderá criar sua própria Agência/Empresa e ganhar quanto quiser. Você será dono(a) do próprio tempo!

Tecnologias Programador Full Stack

Tecnologias Programador Full Stack

 

Inscrição - Programador Full Stack

Inscrição – Programador Full Stack

 


Acesse
Cursos e Projetos
Java
Acesse
Outros Cursos
PHP MySQL Android
Acesse
Encomende um Projeto
Feito pra Você
Acesse
Tire as Dúvidas On-line
Consultor
Acesse
Aulas de Java só suas
Encomende Agora
Acesse
Dividindo Conhecimento
Posts e Tutoriais
Acesse
Sites e Parceiros
Associados
Acesse
Conheça os curso gratuitos
Grátis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Depoimento de aluno


 
Alunos Felizes
 
Alunos Felizes
 
Alunos Felizes
 
Instrutor Java Quer se tornar aluno VIP? CLIQUE AQUI!
Instrutor Java

Alex Fernando Egidio
Autor, criador e fundador do JDev Treinamento on-line. Atua no mercado como desenvolvedor e engenheiro de sistemas em Java é apaixonado por desenvolvimento web em Java e pela “mágica” que seus frameworks trazem para o dia a dia de nós desenvolvedores.
Com mais de 10 anos de experiência ajuda programadores do Brasil todo a se tornarem profissionais.